Nosso Natal nos Alpes Austríacos

Esse ano resolvemos perseguir a neve nas férias de fim de ano e corremos para as montanhas. Procuramos uma cidadezinha pequena, com estações de esqui ao redor para que pudéssemos fazer aulas de snowboard e finalmente poder curtir o esporte. A ideia era fazer 3 dias de aula durante a semana que ficaríamos nos alpes. Essa foi a primeira e maior motivação para a viagem, mas no fim fizemos um só dia de aula, para poder curtir outras coisas na região.

A vista da nossa sacada no primeiro dia.

Cogitamos vários lugares entre sul da Alemanha, Áustria e até Eslovênia, mas a proximidade de Munique com a Áustria nos ajudou a decidir o destino.

Uma pousada em Faistenau, uma cidadezinha com pouco mais de 3 mil habitantes, a apenas duas horas de Munique, foi a escolhida.

Pension Alpenblick em Faistenau, na Áustria.

A pousada

Decidimos pegar um apartamento com cozinha, porque assim poderíamos preparar nossa ceia de Natal e ficaríamos mais juntos. Teríamos um espaço em comum para comer, jogar cartas, jogos de tabuleiro e videogame.

Escolhemos a Pension Alpenblick e foi nosso maior acerto! O apartamento nos impressionou: a cozinha é super equipada, o banheiro novinho, os quartos bem grandes e confortáveis e a vista incrível das montanhas.

Teve até noite com fondue de chocolate.

Outro ponto fortíssimo do lugar é a dona, Karoline, querida desde as mensagens trocadas antes da estadia. Tirou todas as nossas dúvidas, foi flexível no horário de chegada, respondeu tudo com agilidade e simpatia.

Nosso jantar misturadão: comida coreada, chinesa e mexicana.

O link da Pension Alpenblick no booking é esse. E para ganhar R$50 na sua reserva pelo Booking clique aqui.

O que fazer na região

Tubing e Langlauf em Faistenau

Faistenau é conhecida como Langlaufdorf, ou seja, a vila para praticar Langlauf, aquele esporte que você caminha com esquis. Isso quer dizer que o lugar é cheio de trilhas e, no inverno, tem muita neve (não tivemos tanta sorte na segunda parte).

Com bastante neve, existem inúmeras estações de esqui na redondeza e, em Faistenau mesmo, um snowtubing (para escorregar de boia na neve).

Região onde fica o snowtubing (na foto estava fechado por pouca neve).

Estações de Esqui

Nós fomos até Abtenau na estação de esqui de Postalm, onde reservamos duas horas de aula de snowboard. Como a montanha onde fica a estação é um pouco mais alta do que a pousada onde estávamos hospedados, a estação estava aberta e com muita neve!

No caminho para a estação de esqui.
Estação de esqui Postalm em Abtenau.
Indo embora da estação de esqui Postalm.

Para checar quais estações e lifts estão abertos e se há neve suficiente, além de outras informações, como valores, dá para conferir o site Bergfex. Para mim ele sempre abre com as informações sobre a Áustria, para ver outros países é só clicar no nome do país que apareceu no topo da coluna na esquerda da página e ele mostra várias outras opções de países.

Paisagem de inverno no Hintersee.

Lagos e dorfs (vilas)

Além da neve, a região tem muitos lagos, com cidadezinhas fofas ao redor. Nós fizemos uma caminhada dando a volta no Hintersee, que durou mais ou menos 1 hora e meia, e visitamos a cidade de St. Gilgen no Wolfgangsee. Nessa época de Natal várias vilinhas da região têm mercadinhos de Natal na beira dos lagos também, lindo!

Vista incrível do Wolfgangsee.
Centro de St. Gilgen, cidade às margens do lago Wolfgang.
Parada para um chocolate quente no Café Nannerl.

Também a cidade de Halstatt, que já dei como dica de bate volta de Munique de carro aqui, fica a 1 hora de Faistenau.

Termas

Se tem uma coisa que eu comecei a adorar depois que vim morar aqui no frio é ir em termas. A sensação de ficar com a cabeça fora da água no frio e o corpo no quentinho na piscina é única e surpreendemente muito gostosa.

Nós visitamos a Watzmann Therme, na cidade de Berchtesgaden, na Alemanha, mas a 40 minutos de Faistenau. A estrutura deles é mais enxuta, o local é bem família, com bastante crianças e, inclusive, uma piscina para bebês (e o valor é ótimo!).

Essa terma foi indicação da pousada, que nos deu ainda outras duas opções: a Heiltherme Bad Vigaun e a Wellness-Alm am Leopoldhof, todas no raio de menos de 40km de Faistenau.

A Catedral de Salzburg vista da Kapitelplatz.

Salzburg a 20km de distância

Outra vantagem da região é que Salzburg fica a apenas 20 minutos de carro. A cidade é linda e oferece várias opções legais de lazer para encher um dia inteiro. Ter uma cidade maior por perto aumenta bastante as opções de lazer, o que é ótimo.

Nós fomos dois dias, um deles para passear pelo centro histórico e visitar a Fortaleza e outro para jantar e jogar boliche. Nossa experiência foi no Bowling Universum, que conta com várias pistas de boliche, além de jogos de arcade.

A charmosa rua Getreidgasse em Salzburg.
O interior da Catedral de Salzburg (Dom zu Salzburg).
Por do sol visto da Fortaleza de Salzburg, a Festung Hohensalzburg.
Salzburg e eu, a louca do Glühwein.
Mais uma lá de cima da Festung Hohensalzburg.
Boliche no Bowling Universum.

Para saber mais sobre o que fazer em um dia em Salzburg leia esse post.

Heiliger Jakobus der Ältere, a igrejinha de Faistenau.

Restaurantes

Além da variedade em Salzburg, até mesmo as cidades menores estão bem servidas de restaurantes, especialmente típicos. No dia 26, acabamos parando em um deles bem por acaso, mas eu adorei. Essa data aqui também é feriado e o restaurante que tínhamos planejado ir tinha fechado mais cedo. Então fomos para o restaurante do Hotel Alte Post, vizinho da nossa pousada. O cardápio tinha muitas opções gostosas (inclusive para vegetarianos) e tudo o que pedimos estava delicioso. A entrada dele fica em frente à Igreja de Faistenau.

A dica é checar no TripAdvisor, ele mostra vários restaurantes bem avaliados na região. Ah, e é sempre aconselhável ligar para reservar.

A neve acumulando por baixo da bola de Natal. Friiiiio!
A única foto que eu tenho da nossa ceia: uma parte do salpicão vegetariano e uma parte da maionese.
Natal com neve <3

Foi uma viagem tranquila, para descansar e renovar as energias para 2019, mas me surpreendeu muito! Além de tudo isso que descrevi, boas companhias e um natal com neve, o meu primeiro! E o seu final de ano, como foi?

2 Replies to “Nosso Natal nos Alpes Austríacos”

  1. Roseli Maria Klein says: Responder

    O meu Natal foi bom, mas sem neve….muito calor. Quem sabe no próximo irei para a neve tbem. Texto maravilhoso.

    1. Espero mesmo que tenha neve no seu próximo natal, hihi <3 Obrigada!

Deixe uma resposta