Quanto economizar para mudar para a Alemanha?

Nos primeiros meses em um novo país ficamos muito vulneráveis. Pelo idioma, pela diferença cultural, pelo jeito como tudo funciona que não era do jeito que estávamos acostumados, pela distância das pessoas que amamos, pelo novo trabalho ou curso e pelo dinheiro.

Sim, mudar de país pode ser bem caro! Até porque os cinco principais destinos de brasileiros que emigram são: Estados Unidos, Portugal, Espanha, Japão e Itália*, todos eles com moeda ou custo de vida mais alto do que no Brasil.

Preparar seu bolso para essa mudança pode, muitas vezes, parecer uma tarefa impossível, mas informação é poder! Pesquisar sobre os seus custos de mudança e de primeiros meses no seu futuro país podem ajudar a elaborar um planejamento financeiro que permitam a realização do seu sonho.

Com um planejamento em mãos, a pergunta não vai mais ser “será que consigo mudar de país?”, mas “quando consigo emigrar?”. 

E eu vou tentar entregar tudo mastigadinho para você que quer mudar para a Alemanha!

A lista abaixo apresenta algumas possibilidades de gastos, para que você tenha uma ideia dos valores. Eu procurei buscar os meus próprios gastos quando mudei (mas busquei os valores atualizados, porque já faz 3 anos), e adicionar alguns gastos de outros cenários possíveis. 

Coloquei todos os preços na moeda original de pagamento do gasto, mas no final do post vou deixar uma planilha em excel com todo o custo de mudança elencados, com todos os valores calculados em reais (é só você preencher o câmbio do dia e ela calcula automaticamente) e com um planinho simples de quanto você teria que economizar por mês, considerando os juros da poupança.

Acredito que com isso você já está no meio do caminho com o seu planejamento financeiro para mudar de país. Ajuste a tabela de acordo com a sua situação e voilá!

Documentação para o visto

Os gastos começam ainda no Brasil, com a preparação de todos os documentos necessários para levar na mudança:

  • Passaporte (emissão de um novo ou renovação): R$ 252,27
  • Visto: até 80€, dependendo do tipo do visto
  • Validação de diploma (se necessário): de 100€ a 600€
  • Traduções juramentadas e apostilamento (português-alemão):
    • Reconhecimentos de firma: em torno de R$6 por firma
    • Documentos escolares (histórico escolar, diploma): R$65
    • Documentos pessoais (certidão de nascimento, casamento): R$50 
  • Envio de contratos e documentos do Brasil para a Alemanha: R$280 

Se você pretende casar antes de mudar, considere gastos no cartório de R$250 a R$1300, dependendo do seu estado. Se você quiser fazer uma festa, não esqueça de considerar esses gastos também.

Passagens aéreas

As passagens aéreas vão depender de vários fatores, como as cidades de origem e destino, a época da sua mudança e a antecedência da compra. 

Sobre comprar somente a ida ou adquirir também a passagem de volta, mesmo sabendo que você provavelmente não vai utilizá-la: sugiro que compare os valores da passagem só de ida e de ida e volta, e compre somente ida apenas caso você tenha todos os documentos para o seu visto prontos para serem mostrados, inclusive o contrato de trabalho assinado e contato do seu empregador, caso o controle da imigração questione sobre isso.

Com todas essas variáveis, a passagem aérea pode custar entre 400€ a 2.000€.

Seguro Viagem pelos primeiros 3 meses

Tanto viagens com o intuito de turismo, quanto para quem pretende mudar-se para a Europa, é exigido que você esteja coberto por um Seguro de Saúde por todo o seu tempo de permanência. No caso de mudança para a Alemanha, é exigido o Seguro Viagem para o período de 12 semanas, para que você tenha tempo de regularizar seu visto, fazer seu Seguro Saúde no país e não ficar nenhum dia sem cobertura.

O Seguro Viagem exigido deve ter uma cobertura mínima de 30 mil euros, o que custa para uma pessoa em torno de R$1.500 para as 12 semanas.

Planejar, planejar!

Primeiros meses morando na Alemanha

Aí vem o desespero de ter que economizar em real para gastar em euro. O câmbio não ajuda, mas é por isso mesmo que é importante você economizar para não entrar em desespero logo nos primeiros meses e ter que voltar ao Brasil frustrado, porque seu dinheiro não bastou para fazer dar certo a mudança para o exterior.

É fundamental salientar que os primeiros meses não têm um custo de vida “normal”. Nos primeiros meses o investimento normalmente é maior. Esses custos extras vêm principalmente com gastos referentes à moradia.

O mercado imobiliário é difícil nas grandes cidades da Alemanha, então dificilmente você conseguirá chegar aqui com um apartamento definitivo já alugado. O processo normal é alugar um apartamento pelo airbnb ou um ApartHotel pelo Booking, o que pode custar mais caro, e daqui procurar e visitar lugares para escolher sua casa definitiva.

A própria mudança exige desembolsar uma boa quantia, já que é habitual na Alemanha se pedir alguns meses de aluguel como caução. Além disso, você provavelmente mudou com as suas tralhas dentro de poucas malas e ao chegar aqui vai sentir falta de muita coisa no seu dia a dia. Com a necessidade de ir às compras para suprir essas faltas, somado à compra de móveis e eletrodomésticos, por exemplo, os valores podem ser altos.

  • Primeiros dois meses de aluguel em aparthotel/airbnb:
    • Para 1 pessoa – quartos a partir de 600€ por mês
    • Para 1 pessoa – apartamento inteiro a partir de 1.200€ por mês
    • Para 2 pessoas – aparthotéis no Booking ou apartamentos no airbnb a partir de 1.500€ por mês
  • Caução de um apartamento para longo prazo (3 meses do valor de aluguel):
    • Para 1 pessoa – 3.000€
    • Para 2 pessoas – 4.200€
  • Compra de móveis, eletrodomésticos e outras necessidades para a casa: 2.500€
  • Custo de vida durante os primeiros 3 meses, sendo os primeiros dois sem o aluguel, já que ele já foi calculado acima em Aparthotel/Airbnb e o outro com custo de moradia também incluso: 
    • 1 pessoa – (650€ por mês x 2 meses) + 1.250€ por mês = 2.550€
    • 2 pessoas – (970€ por mês x 2 meses) + 2.370€ por mês = 4.310€

Não vou especificar aqui muito sobre o custo de vida na Alemanha, porque eu tenho um post com tudo muito detalhado aqui no blog. Lá você pode checar o que está incluído nos valores que considerei acima.

E para finalizar compartilho com vocês a tabela abaixo, onde todos os gastos estão descritos e listados com valores. Você pode ajustar as quantidades dependendo de quantas pessoas estão de mudança, além de seus ganhos e economias. O resultado é o valor total a ser economizado para o processo de mudança e quanto tempo você precisa para chegar no valor!

CLIQUE AQUI PARA FAZER O DOWNLOAD DA PLANILHA

A ideia da tabela e mostrar em números como a mudança é possível, mesmo que a longo prazo. Mantenha essa meta na sua cabeça e, se quiser encurtar o prazo, procure outras formas de fazer seu dinheiro render e de fazer renda extra. Para as duas coisas recomendo demais o canal da Nathalia Arcuri, o Me Poupe!.

Espero ter ajudado! Até a próxima!

Contrate pelos links:
– SEGURO VIAGEM pela Seguros Promo (recomendo o seguro da AssistCard!)
– HOTÉIS pelo Booking.com
– PASSEIOS em Munique pelo GetYourGuide

Gosta do meu conteúdo? Colabore pelo Patreon! Clique aqui para saber dos benefícios de se tornar um patrono e para conhecer meus serviços.

One Reply to “Quanto economizar para mudar para a Alemanha?”

  1. Com isso vemos que planejando, conseguimos sim fazer uma mudança desta.

Deixe uma resposta para Roseli Cancelar resposta